19 de junho de 2012

Projeto empresta livros para famílias carentes em Jaboticabal, SP

agentes‘Agentes da Leitura’ leva 5,4 mil títulos para casas em 13 municípios. Programa tem objetivo de promover acesso à leitura e à educação.

Foi o sonho de ser modelo que despertou na estudante Giovana Evangelista da Silva, de 12 anos, o interesse pela leitura. Ela decidiu então pedir a visita de um dos 63 agentes do projeto “Agentes da Leitura”, que empresta livros para famílias de 13 municípios na região de Jaboticabal (SP). Enquanto não alcança as passarelas, a menina conhece o mundo pelos livros. “Modelo tem que saber bastante, né? Então me interessei pelo projeto por isso, para aprender mais, conhecer mais um pouco do mundo”, diz.

Giovana conta que seu rendimento escolar melhorou depois que passou a receber o projeto. “Eu não tirava boas notas. Eu lia umas duas, três páginas e parava, não me interessava”. Ao todo, o programa teve um investimento de R$ 81 mil para a aquisição de 5,4 mil títulos. Na cidade, são cinco pessoas que levam aproximadamente cem livros nas casas selecionadas e contam histórias para as famílias.

A agente Jéssica Souza conta que, inicialmente, a escolha de famílias foi feita em parceria com assistentes sociais, mas muitos recusavam o serviço. “Aí eu comecei a ir a escolas, entrego para os alunos panfletos com o meu nome e quem se interessa vem atrás, estamos pegando quem gosta de lê, mas não tem acesso.”

O projeto chegou também a Córrego Rico (SP), distrito de Jaboticabal na zoral rural. Outra agente é Jenifer dos Santos, que foi criada no campo e trabalha todos os dias na plantação da família, sua única fonte de renda. Agora, além do serviço na roça, ela percorre os sítios da área de bicicleta com livros na mochila, na esperança de contribuir para a educação dos moradores rurais. “Estou aqui há 14 anos e sei que tem poucas oportunidades. Tendo esse trabalho você traz a leitura para as crianças, leva perspectiva de vida”, afirma.

 

 

 

Fonte: G1

Comentários