25 de maio de 2011

Nova diretoria da AGCIP

Com 16 cidades presentes, AGCIP elege novo presidente em Sertãozinho

DESAFIO – João Roberto da Silva, aclamado por unanimidade, destaca planejamento como forma de aproveitar ao máximo o crescimento da associação

 

Dezesseis cidades marcaram presença na quinta-feira, 19, na Casa de Cultura de Sertãozinho. Gestores culturais, artistas e agentes de cultura prestigiaram Assembleia da AGCIP – Associação de Gestão Cultural no Interior Paulista, organizada pelo diretor de cultural local, Marcos Favaretto.

Se fizeram presentes representantes de Ariranha, Cosmorama, Matão, Monte Alto, Monte Azul Paulista, Barretos, Guariba, Américo Brasiliense, Luiz Antônio, Pradópolis, Santa Adélia, Bebedouro, Viradouro, Vista Alegre do Alto e Jaboticabal, além da cidade anfitriã.

Como ponto principal da assembleia, a eleição de novo presidente da entidade. Antes, foram debatidas questões como a atualização das fichas dos associados, que receberão a opção de contribuírem financeiramente, caso queiram e possam, com a associação, de acordo com periodicidade e valores definidos junto aos presentes.

Nesse sentido, o presidente-fundador que deixaria a cadeira, Edemilson do Vale, o “Sete”, destacou os momentos de dificuldade financeira da AGCIP e da questão existencial que faz seus principais agentes viverem a angústia de abrir mão de suas profissões para se dedicarem à cultura, cujo ganho financeiro ainda é uma incógnita.

Projetos

Dentre as ações definidas na assembleia está a criação de um observatório de projetos, onde seja possível visualizar como andam os projetos de cada cidade, facilitando o apoio e orientação de quem tem mais conhecimento sobre o tema do projeto ou mecanismos que o viabilizem.

Também foi indicado um grupo de trabalho que se foque sobre a captação de projetos de incentivo fiscal; a AGCIP se especializou em elaborar e aprovar projetos dessa natureza, via Lei Rouanet (federal) ou ProAC/ICMS (estadual) – na hora de explanar e buscar esse recurso junto ao empresariado, falta gente e organização.

Ainda como diretriz de trabalho, foi aprovada a criação de duas sub-sedes, com mais autonomia e agilidade de trabalho: em Barretos e Cosmorama, cidades que vêm se destacando no fazer cultural.

Por fim, foram relatados projetos em andamento, como oficinas em Monte Azul e Vista Alegre, a construção do cinema em Cosmorama e o Espaço Culturando na festa do Peão de Barretos.

Nesse ano, sem emenda parlamentar, Sete chamou a todos para um grande esforço conjunto, a fim de manter a qualidade dos trabalhos de 2011 (quarto ano de parceria com Os Independentes), sobretudo quanto à diversidade cultural, com expressões mais distantes da cultura massificada que predomina nos outros palcos.

Apesar do ‘aperto’ no orçamento desse ano, o Espaço Culturando, além de divulgado no plano comercial de Os Independentes com destaque, ainda se fundirá com outro grande palco da festa, sendo um dos 4 a trazer atrações por todo o Parque do Peão – além da Arena.

As inscrições para o Espaço Culturando da AGCIP começam na semana que vem. Basta acessar o sítio www.agcip.org.br.

Posse

Após os debates, a mesa apuradora da primeira eleição da AGCIP apresentou a única chapa inscrita, cujo novo presidente é o montealtense João Roberto da Silva. Aclamado por unanimidade pelas 16 cidades representadas, João Roberto exaltou os anos de trabalho da associação (da qual também é fundador), lembrando sempre das palavras do maior incentivador do grupo: o hoje patrono da AGCIP, Gilberto Morgado, o “Gilbertão”.

“Prometo muito trabalho e seriedade, como em tudo que faço na vida. Encaro mais esse desafio com serenidade, pois estou ao lado de pessoas que confio e que não fogem à luta. Continuaremos crescendo e fomentando a cultura do interior paulista, como referência que já somos”, finalizou João Roberto.

Comentários